27 de mai de 2009

VIII ENCONTRO REGIONAL SUDESTE DE HISTÓRIA ORAL


O VIII Encontro Regional Sudeste de História Oral acontecerá entre os dias 05 e 07 de outubro de 2009 no campus da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) em Belo Horizonte. Este evento é uma realização da Regional Sudeste da Associação Brasileira de História Oral (ABHO).

O tema central ─ Centros de Pesquisa em História Oral: trajetória, abordagens e avaliações ─ objetiva fazer deste fórum um espaço de reflexão e debates sobre temas e questões que hoje permeiam as atividades de pesquisa dos diferentes núcleos de produção de conhecimento, já assentados e em processo de implantação, da Região Sudeste. O Encontro está aberto à participação de historiadores, sociólogos, cientistas políticos, antropólogos, psicólogos, especialistas das artes cênicas e audiovisuais e de outros segmentos da comunidade científica brasileira. Pretende, assim, reunir os estudiosos que usem a metodologia da História Oral para produzir conhecimento mediante a compreensão e a análise de acontecimentos históricos e trajetórias de vida de diferentes atores sociais que, hoje ou no passado recente, informam ou informaram atos, representações e imaginários sociais constitutivos da dinâmica sócio-histórica e cultural da realidade brasileira.


Mantendo a tradição da ABHO, o VIII Encontro Regional Sudeste de História Oral será composto de Mesas Redondas, Mini-cursos e Mini-Simpósios Temáticos.

IV COLÓQUIO INTERNACIONAL DE POLÍTICAS E PRÁTICAS CURRICULARES


Evento acontece no períoro de 10 a 13 de Novembro de 2009 em João Pessoa, na Paraíba

I - Apresentação:

O IV COLÓQUIO INTERNACIONAL DE POLÍTICAS E PRÁTICAS CURRICULARES será realizado de 10 a 13 de Novembro de 2009, em João Pessoa, Paraíba, Brasil, numa iniciativa dos Programas de Pós–Graduação em Educação da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), através do Grupo de Estudos e Pesquisas em Políticas e Práticas Curriculares e do Grupo de Pesquisa Currículo: sujeitos, conhecimento e cultura.

Com a temática ‘DIFERENÇA NAS POLÍTICAS DE CURRÍCULO’ o evento propõe que nas investigações em currículo, a diferença seja analisada como possiblidade para reinterpretar a significação de seus múltiplos discursos para além dos pluralismos culturais e das políticas de tolerância liberal. Isto significa reconhecer que a diferença pode ser traduzida e reinscrita diferentemente, quando as semelhanças e as diferenças se opõem a cisão de bianarismos fixos e, exploram outras possibilidades para a construção de hegemonias, considerando as múltiplas e diferentes particularidades contingentes das novas posições do sujeito nas sociedades contemporâneas (gênero, raça, sexualidade, classe social, religião, cultura, poderes minoritários ou diferenças regionais).

5 de mai de 2009

Secretarias de Propriá lançam blog na internet

Instrumento de comunicação aproximam ações da educação e trânsito com a comunidade
Por Claudomir Tavares | claudomir@infonet.com.br

Duas secretarias municipais de Propriá marcaram recentemente dois gols em sua política de comunicação com a sociedade, ao disponibilizar através da internet, um instrumento de comunicação, que apesar de simples, mostram a disposição destes gestores em estabelecer um canal permanente de interatividade.

No dia 13 de agosto foi a secretaria municipal de Educação (SEMED), através de um projeto elaborado pela professora Inês Maria de Morais, gerente do Laboratório de Informática/Telecentro Comunitário. Até o dia de ontem haviam 19 postagens, com destaque para a divulgação da programação alusiva a Semana da Pátria. Alí estão ações da Semed, de escolas como Pe Agnaldo Guimarães, Pe Luiz Henrique, entre outras. Parabéns a secretária Elenice Reis pela semente plantada e pelos frutos colhidos. O link para o blog é http://blogsemedpropriase.blogspot.com

Já a secretaria municipal de trânsito e transportes públicos (SMTT), que tem a frente o ex-vereador Jorge Santos (Jorginho da Telemar) criou também seu blog, cujo objetivo é o de tornar público as diversas ações da SMTT, permitindo assim o estreitamento das relações entre os usuários do trânsito propriaense e seu respectivo órgão competente. O link para o blog é http://www.smttpropria.blogspot.com Contatos com a SMTT devem ser estabelecido através do e-mail: smtt@propria.se.gov.br

No espaço Links deste Portal estaremos disponibilizando os links para estes blogs, que mostram a disposição destes dois titulares de suas pastas, através de suas equipes, a importância de exercício de um trabalho cuja transparência é ponto de referência.

* A utilização deste e outros artigos devem respeitar a Lei dos Direitos Autorais. Sua veiculação deve ser previamente autorizada e as informações autorais devem ser mantidas.

4 de mai de 2009

UMA SUGESTÃO (CONTRIBUIÇÃO) AO MINISTÉRIO PÚBLICO

Não se trata de ‘ensinar o Pai Nosso ao vigário’, mas um exercício de cidadania
Por Claudomir Tavares
claudomir@infonet.com.br

O Ministério Público Estadual tem sido uma das luzes no fim do túnel de credibilidade das instituições junto a sociedade. Tem sido, possivelmente, a última reserva da sociedade, principalmente do espetáculo deplorável patrocinado pelos ministros da suprema corte de justiça do país, Joaquim Barbosa e Gilmar Mendes patrocinaram há poucos dias diante dos holofotes para todo o país.

Reparando injustiças e aberrações

Se por um lado tem sido o Poder Judiciário aquele entre os três (Executivo, Judiciário e Legislativo) o mais intolerante diante das manifestações da sociedade nos meios de comunicação, agindo imediatamente, para reparar possíveis danos a sua imagem, é também aquele onde a sociedade busca reparar possíveis injustiças e aberrações cometidas pelo Poder Executivo, por exemplo.

Um exemplo em Pirambu

Juarez Batista – Aqui em Pirambu temos um representante do Ministério Público Estadual, uma das engrenagens do Poder Judiciário, que tem dado provas inequívocas de sua posição zelosa na fiscalização dos atos do poder executivo buscando salvaguardar o patrimônio público. Isto tem se tornado mais sintomático a partir das apurações das denúncias feitas pelo próprio ex-prefeito Juarez Batista que confessou uma série de improbidades administrativas que avança para além de sua administração, estendendo-se até a de seu ex-padrinho político, o ex-prefeito e atual deputado estadual André Moura.

Moacir Santana – O Ministério Público acompanhou todo o processo de intervenção do ex-interventor Moacir Santana, que no entanto fez uma administração marcadamente pela pirotecnia e de uma incompetência administrativa avassaladora, cujas distorções e disparidades tivemos a coragem de denunciar em nosso blog e neste portal.

Antônio Santana – Já a desastrosa passagem do vereador Antônio Santana a frente da administração municipal, de fevereiro a dezembro de 2008, foi marcada por uma seqüência de avanços sobre o patrimônio público, atos praticados pelo prefeito interino e admitidos publicamente. “Os outros também fizeram”, disse o prefeito. Aí, se nos permite uma crítica fraterna, caberia uma ação mais enérgica da justiça, promovendo o afastamento do prefeito, como fez ao impedir sob suspeita, nunca comprovada do então vice-prefeito Guilherme Melo e da então presidente da Câmara Municipal Maria Dilce de Jesus Santana.

Da esperança a decepção

Tudo como antes – O início da administração do prefeito José Nilton tem sido marcada pela mesmice, inversão de prioridade e que não tem acrescentado absolutamente nada de novo nem de zelo pela coisa pública. Tem sido assim pelo não respeito a impessoalidade da administração pública, pelas disparidades e distorções verificadas diante da farra em nomeação através de cargos em comissão, contratações abusivas, quando estamos em vigência um Concurso Público que teve todas as suas etapas acompanhadas pelo Ministério Público, logo merecendo o respaldo da sociedade.

Farra de comissionados – Não obstante esta condição de legalidade e de legitimidade, o prefeito está disposto a desconsiderá-lo e não prorrogá-lo, se quer acenando para a possibilidade de convocar aqueles devidamente habilitados para as suas funções. São profissionais que se submeteram ao concurso e conseguiram posicionar-se em condição de assumir suas funções na educação, na saúde e em várias outras secretarias, até porque é fácil comprovar a ocupação indevida das funções, consoante a Folha de Pagamento com a Ordem de Classificação no Concurso Nº 01/2007.

Pela nomeação dos concursados – Aqui fica uma sugestão ao Ministério Público. Não estamos ensinando o ‘Pai Nosso ao vigário’, até por que não temos esta intenção, mas apenas na condição de cidadão oferecendo esta sugestão: que da mesma forma que fez durante o período de Antônio Santana, onde foram identificados inclusive funcionários fantasmas, que se faça uma investigação na administração do prefeito Zé Nilton, identificando e, constatando estas suspeitas, exigindo a imediata contratação dos concursados para ocupar suas funções.

A sociedade se mobiliza

De nossa parte, vamos continuar vigilante, identificando em cada secretaria, aqueles que estão ocupando indevidamente as vagas dos democraticamente habilitados em concurso público, e que, possivelmente por não comungar com as posições políticas do grupo encastelado na administração pública, estejam sendo preteridos de ocupar suas funções.

Inevitável dizer que iremos apresentar o resultado de nossa ‘investigação’ paralela e informal ao Ministério Público, caso seja necessário, de forma a dar nossa contribuição cidadã. Da parte do Ministério Público, nenhuma dúvida que este continuará no caminho da coerência que tem marcado as posições desta safra de promotores que tem revelado magistrados como Dr. Nilzir Soares, Dr. Solano Lúcio, só para citar dois cidadãos dignos de nossa admiração e respeito, que acreditamos, ser o sentimento da sociedade pirambuense em particular e sergipana por extensão.
_____________________________
* Claudomir Tavares (40) é professor de História, Sociedade e Cultura da Escola Municipal Mário Trindade Cruz.