26 de jun de 2008

PV deve indicar o vice do PT

Reuniões simultâneas dos partidos aconteceram na noite de ontem Decisão passa por um entendimento que contemple o PHS e o PC do B

O Partido Verde reuniu-se na noite de ontem, 25, na Pizzaria Recanto da Família, de forma extraordinária, para deliberar sobre pré-candidaturas, política de alianças e participação em um futuro governo ao qual esteja aliado. Simultaneamente a reunião do PV, reuniram-se na sede do PT filiados, dirigentes e militantes, onde analisaram os últimos acontecimentos políticos e a possível composição de chapa majoritária. Os petistas voltam a reunir-se na noite de hoje para dar seqüência ao debate em torno da discussão do candidato a vice-prefeito.

Apesar de existir entre seus membros do PT quem defenda uma aliança com o PMDB, o que é legítimo em um partido democrático, esta posição estar prejudicada em função de resoluções anteriores, principalmente aquela aprovada no último Encontro Municipal, fórum máximo do partido, que comparam ou não diferenciam este agrupamento aquele liderado pelo deputado André Moura, entre outras orientações de instâncias superiores.

O PV que tem 10 nomes como pré-candidatos, entre prefeito, vice-prefeito e vereadores, deliberou manter e aprofundar entendimentos com os partidos que em Pirambu permanecem na oposição, a saber o PT, PHS e PC do B, para construir uma aliança, cabendo ao PV a indicação do pré-candidato a vice-prefeito, reivindicando a participação no governo que terá o prefeito do PT. Caberá aos partidos aliados escolher entre a lista de 10 nomes, aquele que será o companheiro de chapa encabeçada por Evaldo de Carvalho Filho, o Vado de Gago (PT).

“Este entendimento deve se dar de forma fraterna, respeitosa, preservando a autonomia dos partidos, o acumulado de discussões, sendo esta a política de convivência durante a campanha, a administração e nos embates a serem travados de forma coletiva por aqueles que pretendem despoluir a política. A partir deste entendimento, pretendemos mobilizar os pirambuenses para despoluir a política e juntos buscar soluções para os problemas da cidade”, disse o professor Claudomir Tavares, dirigente estadual do PV.

PSB vai indicar o vice do PMDB

Decisão contraria mais de 90% dos integrantes que haviam feito opção pelo candidato do PT

Parece que está funcionando o cerco de cima para baixo operado por setores do governo que ‘conspiram’ por uma candidatura do PMDB em Pirambu. Depois de tentar sem sucesso atrair o PT para a aliança, rejeitada em duas ocasiões, nos meses de abril (24 X 01) e junho (26 X 04), o PMDB investiu e garantiu de forma curiosa o apoio do PSB. O curioso fica por conta da existência de uma reunião realizada no último domingo onde a base partidária, filiados e pré-candidatos decidiram democraticamente por uma aliança com o pré-candidato Evaldo de Carvalho, o Vado de Gago. Naquela ocasião apenas dois dos presentes fizeram opção por um entendimento com o pré-candidato José Nilton Souza, do PMDB.

Depois de uma série de reuniões, realizadas em Aracaju (reunindo os caciques) e Pirambu (reunindo índios), foi formalizada um a aliança em que o PMDB indicará o candidato a prefeito (o economista José Nilton Souza) e o PSB indicará o candidato a vice-prefeito (o odontólogo Marcos Lopes Cruz). Além da vaga de vice, os interlocutores pleitearam algo não menos que quatro a cinco secretarias no governo do PMDB, estrutura para a campanha e tratamento especial aos pré-candidatos a vereadores.

Na base partidária, a insatisfação é tamanha, diante da preferência dos pré-candidatos pelo pré-candidato a prefeito pelo PT, mas os insatisfeitos esperam a realização da Convenção Municipal para se manifestar a respeito.

Fonte: Tribuna da Praia - Em: 26/06/2008

Nenhum comentário:

TODAS AS NOTÍCIAS