11 de set de 2009

Escolas levam Participação e Cidadania às ruas de Propriá

Escolas registram os avanços nas relações entre administração municipal e a sociedade civil, fazendo um desfile a parte, segundo o prefeito Paulo Britto
Por Claudomir Tavares | claudomir@infonet.com.br

O desfile da rede municipal de Propriá foi marcado pelo resgate da história do município, da cultura erudita e popular, dos avanços alcançados pelos povoados, sensibilização ambiental, gestão democrática nas escolas e, não passou despercebido o registro feito pelo conjunto de três escolas. Localizadas nos povoados São Vicente, as escolas prefeito Geraldo Sampaio Maia e monsenhor Afonso de Medeiros Chaves e no assentamento Padre Cícero, a escola Dom José Brandão de Castro, testemunharam os avanços nas relações entre administração municipal e a sociedade, através de um amplo processo de participação popular, através dos vários fóruns, onde esta é chamada a definir os rumos das políticas públicas municipais.

“Esse é o terceiro ano, achei que tinha mais gente, as pessoas mais participativas, o perfil das pessoas cultivando seu civismo, as escola passando, fazendo questão de parar, fazendo o desenvolvimento de suas bandas”, descreveu assim o desfile o prefeito Paulo Britto (PT). “Foi uma semana ótima, tranqüila, com o hasteamento das bandeiras todos os dias com gente, então foi uma situação em infelizmente a gente só utiliza para exercitar com maior fervor o civismo, ainda assim, o civismo está no coração, neste momento a gente nota que as pessoas gostam mesmo do seu país”, acrescenta o prefeito.

Um desfile a parte – No conjunto do apoteótico desfile das redes municipal, estadual e particular da última segunda-feira, o das escolas municipais foi considerado um desfile dentro do desfile. “Eu tive a felicidade de ouvir as pessoas dizer que foi realmente um desfile a parte. Todas as escolas organizadas, com fardamento novo, o pessoal do PETI, sua banda deu um show. Era também de se esperar. A secretária Elenice ela é muito cuidadosa, ela veste a camisa, faz isso com carinho, faz isso com o coração. Enfim, a rede estadual, a rede particular, foi tudo bom, graças a Deus”, comemorou Paulo Britto. “As escolas apresentaram a História de Propriá, onde a gente viu cada data mais importante, desde a sua fundação, se transformou em vila, datas marcantes, primeiro banco, primeiro Correio, enfim, deu uma aula de História”, conclui com o sentimento do dever cumprido o prefeito de Propriá.

* A utilização deste e outros artigos devem respeitar a Lei dos Direitos Autorais. Sua veiculação deve ser previamente autorizada e as informações autorais devem ser mantidas.

Nenhum comentário:

TODAS AS NOTÍCIAS