1 de fev de 2011

PCB deverá receber novos quadros antes do I Congresso Municipal

Até lá, partido pretende construir um quadro de militantes para disputa a eleição municipal de 2011
O professor Claudomir Tavares, secretário político (equivalente ao cargo de presidente) do Comitê Municipal do PCB em Pirambu disse que “a partir de decisão de seu XIV Congresso Nacional, realizado em novembro de 2009, o PCB passa a ser um partido de quadros, não um partido de massa, para assim intervir de forma consistente na sociedade”, descreve. Neste sentido, está previsto para este primeiro semestre o ingresso de importantes quadros da política local, cuja liderança e representatividade municiarão o PCB a se constituir numa referência em nossa cidade. “Os nomes não estão sendo anunciados, por enquanto, pois a decisão de ingressar ou não no partido será de foro íntimo dos mesmos e qualquer que seja ela, será respeitada por todos nós”, completa.
O PCB já decidiu preliminarmente e submeterá esta decisão ao I Congresso Municipal, convocado para os dias 21 a 24 de julho de 2011, pelo lançamento de candidatura própria a prefeitura de Pirambu e o fará neste que é o fórum máximo de deliberação partidária. Em 26 de março dará início a esse debate, quando fará o lançamento do Fórum “Pirambu no Século 21”. Pelas regras estabelecidas no XIV Congresso Nacional, o PCB tem entre os seus aliados aqueles posicionados no campo da esquerda, e em Pirambu além do próprio partidão, apenas o PSOL e o PSTU estão registrados, sendo que este último existindo apenas cartorialmente. “Não há qualquer possibilidade de aliança com os partidos de direita (PMDB, DEM, PSC, etc.) e de centro (PT, PCdoB, etc.), bem como seus satélites no plano local”, conclui.

Nenhum comentário:

TODAS AS NOTÍCIAS