14 de mai de 2008

Ecos Políticos...

Joaquim é o novo presidente municipal do PSB em Japaratuba
Ele foi eleito em Congresso Municipal e conduz um time de 26 pré-candidatos a vereadores, que por unanimidade decidiram que Hélio Sobral terão apoio dos socialistas na disputa pela prefeitura da terra de Artur Bispo do Rosário
Por Claudomir Tavaresda Silva
claudomir@infonet.com.br

O professor José Joaquim Silva Santos é o novo presidente municipal do partido Socialista Brasileiro – PSB na vizinha cidade de Japaratuba. Ele foi eleito no Congresso Municipal realizado no dia 29 de abril na sede do município, em substituição a Alberto Carmelito dos Santos (Beto do Posto), destacada liderança política do bloco liderado pelo prefeito Padre Gerard Olivier.

Os socialistas deliberaram que o atual vice-prefeito Hélio Sobral Leite (PMDB) será o pré-candidato apoiado pelo partido para disputar a prefeitura de Japaratuba e que o candidato a vice-prefeito deverá ser uma indicação pessoal do prefeito Padre Geraldo, por ser a principal liderança do grupo e aquele que conduzirá a campanha eleitoral no município.

O PSB que junto com o PMDB, PT, PDT, PT do B, PC do B e PRB formam este grupo contabilizou 26 pré-candidatos a vereadores, entre eles o próprio José Joaquim Silva Santos, a líder comunitária Cláudia Maria Ramos dos Santos, a Cláudia dos Forges e o ex-presidente do partido Alberto Carmelito dos Santos, o Beto do Posto, só para citar alguns deles.

É possível que o PSB saia sozinho na chapa proporcional pelo grande número de postulantes as nove vagas, ou se alie com outro partido, como o PT do B, para poder assim acomodar melhor o maior número de indicações.

Além das questões preparatórias para as eleições, o Congresso Municipal do PSB aprovou outras resoluções políticas-organizativas, tais como:

1. Estruturar o PSB para as disputas eleitorais municipal de 2008 e gerai de 2010;

2. Promover cursos, palestras, seminários de formação políticas para o conjunto de seus filiados e simpatizantes;

3. Criar na nova estrutura organizativa do PSB em Japaratuba as secretarias de Mulher e Juventude, inclusive instalando a Juventude Socialista Brasileira naquele município;

4. Lançamento de um Boletim Informativo para levar ao conjunto dos filiados, simpatizantes, eleitores e a sociedade em geral as ações do PSB e suas propostas para intervir positivamente na vida política e social do município; e

5. Filiar até 2010 2º do eleitorado em Japaratuba, que na eleição de 2004 foi de 11191 mil, segundo dados da Justiça Eleitoral.

O PSB, no entendimento do professor Joaquim, está pensando seriamente em promover um debate com os quatro pretensos candidatos a vice-prefeito que deve integrar a chapa que terá como cabeça o atual vice-prefeito Hélio Sobral. Joaquim nos informou que irá propor aos pré-candidatos Albertino Moura (PDT), Luciano Acciole, Mariza Ramos e Martha Augusta para melhorar sua posição com relação a escolha que o partido defende seja do prefeito Padre Gerard.

Joaquim

Fundador do Partido dos Trabalhadores em Japaratuba no dia 19 de novembro de 1995, o professor José Joaquim Silva Santos foi também o primeiro presidente daquele partido. Decidiu pela desfiliação em maio de 2007, interrompendo um casamento de 12anos. Professor efetivo de Geografia das redes municipal (EM Vereador João Prado) e estadual (José de Matos Teles) de ensino em Japaratuba, atualmente está na condição de secretário adjunto de educação, tendo assumido anteriormente as secretarias de Cultura e Comunicação.

Religioso e um dos principais líderes da Igreja Adventista do 7º Dia em Japaratuba, coordena o Grupo de Desbravadores Pacífico, que reúne jovens de japaratuba, São José e outros povoados. Em 2004 foi candidato a vereador, mas em um povoado com um número muito grande de candidatos, não logrou êxito, adiando quem sabe sua presença na Câmara Municipal por quatro anos.

Cláudia Ramos

Cláudia Maria Ramos dos Santos é uma das mais destacadas lideranças comunitárias de Japaratuba, estando envolvida com as questões reivindicatórias da comunidade de Forges, onde reside, sendo uma voz em defesa daquela comunidade. Funcionária pública municipal, é a atual presidente da Associação de Moradores e integrante do Grupo Folclórico Pastoril dos Forges, um dos mais representativos do autêntico folclore japaratubense.

Beto do Posto

Em 1988, quando o PSB dava seus primeiros passos em Japaratuba,a Alberto Carmelito dos Santos, o Beto do Posto era um de seus candidatos a vereador, apoiando a chapa Padre Gerard Prefeito e Hélio sobral para vice-prefeito. Não foi eleito mas obteve uma votação consagradora, que aa partir daquele momento o incluiu entre as mais influentes lideranças políticas emergentes do município. Bastante influente no grupo político liderado pelo prefeito Padre Gerard, em terceiro mandato (1989/92, 2001/2004 e 2005/2008).

20 anos do PSB

Até 1988 praticamente todos os municípios sergipanos só conheciam dais partidos políticos, a saber, o PFL e o PMDB,herdeiros e com o mesmo DNH da UDN/ARENA e PSD/MDB respectivamente. Em algumas cidades foram sendo implantados o PDT, o PT e o PTB. O PSB vinha em seguida. Foi assim que o PSB chegava em Japarauba, tendo como uma de suas principais estrelas o jovem Raimundo Pinheiro, o Raimundo Neguinho, que fora eleito vereador para uma Câmara Municipal que passava de cinco para dez vereadores. Hoje, 20 anos depois, o PSB, sob o comando do professor Joaquim pretende reencontrar o caminho da vitória e retornar a Câmara de Japaratuba, com pelo menos dois vereadores, conforme confiança dos seus integrantes.

Fonte:
www.tribunadapraia.com – Em: 08/05/2008

Nenhum comentário:

TODAS AS NOTÍCIAS